quarta-feira, 18 de março de 2015

Capital do Rock homenageia The Beatles

O melhor do quarteto de Liverpool, em uma pegada com muito rock’n’roll! É o que promete a banda Sargento Pimenta – homenagem a um dos álbuns mais famosos do Beatles, o Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band –, que se apresenta na quarta-feira (18/03) no Capital do Rock. Nas picapes, DJ Maraskin, com o melhor do rock’n’roll.

Mulheres COM NOME NA LISTA entram DE GRAÇA até 22h.

Sargento Pimenta


A banda brasiliense Sargento Pimenta começou suas atividades em novembro de 2007. Gleisson Chaves (voz / guitarras), Paulo Jorge (guitarras / vocais), e Fábio “Birô” Luiz (bateria / vocais), Marcus Vieira (baixo / vocais) e Nilo Barreto (teclados / violões / gaita / vocais), sem descaracterizar o arranjo original, aplicam seu toque pessoal às canções, com a mesma descontração que os próprios garotos de Liverpool tinham em seus momentos áureos. Os shows são dançantes, um grande tributo àquela que é a maior banda de todos os tempos.

The Beatles

A banda de rock britânica foi formada em Liverpool, em 1960, e é considerada um dos atos mais comercialmente bem-sucedidos e aclamados da história da música popular. A partir de 1962, o grupo era formado por John Lennon (guitarra rítmica e vocal), Paul McCartney (baixo e vocal), George Harrison (guitarra solo e vocal) e Ringo Starr (bateria e vocal).

Enraizada do skiffle e do rock and roll da década de 1950, a banda veio mais tarde a assumir diversos gêneros que vão do folk rock ao rock psicodélico, muitas vezes incorporando elementos da música clássica e outros em formas inovadoras e criativas. Sua crescente popularidade, que a imprensa britânica chamava de "Beatlemania", fizeram com que eles crescessem em sofisticação.

Em janeiro de 1969, os Beatles iniciaram um projeto cinematográfico que documentaria a realização de sua próxima gravação, originalmente intitulado Get Back. Durante as sessões de gravação, a banda realizou sua última apresentação ao vivo no último andar do edifício da Apple, em Londres, na tarde fria de 30 de janeiro de 1969. A maior parte da apresentação foi filmada e, posteriormente, incluída no filme Let It Be.

A ideia de tocar no telhado do prédio foi de Lennon. O concerto parou a rua inteira do prédio e, rapidamente, o lugar ficou lotado de pessoas; inclusive, os vizinhos da região logo espreitavam das sacadas o concerto. Os Beatles tocaram durante quarenta minutos até a polícia local interferir pedindo que abaixassem o volume dos instrumentos; Malcolm Evans explicou que não era qualquer pessoa que estava tocando, e sim os Beatles. A apresentação terminou antes do previsto, e tornou-se famosa.

Com o projeto Let It Be temporariamente suspenso, os Beatles gravaram seu penúltimo álbum, Abbey Road, no verão de 1969. A conclusão da canção "I Want You (She's So Heavy)" para o álbum em 20 de agosto de 1969 foi a última vez que o quarteto reuniu-se em mesmo estúdio. Lennon anunciou sua saída para o resto do grupo em 20 de setembro, 1969, embora tenha concordado em não anunciar isso publicamente até que determinadas questões jurídicas fossem resolvidas.

Em março de 1970, a sessão de teipes do "Get Back" foram entregues ao produtor americano Phil Spector, que tinha produzido o compacto solo de Lennon – "Instant Karma!". McCartney anunciou publicamente a dissolução em 10 de abril de 1970, uma semana antes do lançamento de seu primeiro álbum solo, McCartney.

As cópias de pré-lançamento incluíram um comunicado à imprensa onde McCartney realizava uma entrevista consigo mesmo, explicando o fim dos Beatles e suas esperanças para o futuro. Em 8 de maio de 1970, a versão de "Get Back" produzida por Spector foi lançada como Let It Be, seguido com o documentário de mesmo nome. Legalmente, a parceria dos Beatles não foi dissolvida até 1975, embora Paul tenha apresentado uma ação para a dissolução em 31 de dezembro de 1970, efetivamente terminando a carreira em conjunto da banda.

Até 17h do dia do evento
Curta a página do Facebook do Homem da Marreta
Facilidades exclusivas para aniversariantes!

O Capital do Rock está em seu sexto ano de sucesso de público e crítica. O projeto, realizado pela Homem da Marreta Produções, acontece toda quarta-feira, a partir das 21h, na Stadt Bier Cervejaria, e visa resgatar a vertente do rock’n’roll de Brasília – grande sucesso e repercussão nacional nos anos 80 e 90. Os shows começam sempre por volta das 23h, ao final do 1º tempo dos jogos de futebol das quartas.

*PREÇOS do CAPITAL DO ROCK*
Com nome na lista (até 22h): GRÁTIS (mulheres) e R$ 15 (homens)
Sem nome na lista ou após 22h: R$ 15 (mulheres) e R$ 21 (homens)


Confira a agenda completa das QUARTAS:
25/03 - Backdoor Band, com tributo a The Doors

Eventos Relacionados

Nenhum comentário:

Postar um comentário